Simpósio online reúne mais de 40 inovadores da educação

Discutir o panorama da educação, modificado radicalmente pelas possibilidades abertas pela tecnologia, e conectar educadores, pais e alunos aos novos conceitos.

Esse é a proposta do Hackademia, primeiro simpósio online sobre novas tecnologias educacionais que vai reunir mais de 40 palestrantes, inovadores da educação no Brasil e no exterior. Gratuito, o evento será realizado dos dias 16 a 22 no portal Hackademia (www.hackademia.com.br). As inscrições devem ser feitas pelo endereço online.
A tecnologia deu origem a uma diversidade de metodologias, que estão colocando em xeque o ensino tradicional. Entre as inovações que terão destaque no Hackademia estão ensino a distância, aprendizagem personalizada, ensino adaptativo, ensino híbrido, tutoria a distância, os Cursos Abertos Massivos Online (MOOCs, na sigla em inglês), produção de conteúdo para tablet, comportamento digital e alterdidatismo.
“O objetivo do simpósio é que nosso público conheça as transformações por que passa a educação, causadas por meio das tecnologias mais recentes. Acredito no poder transformador da educação e nas imensas possibilidades que a tecnologia nos traz em termos de melhoria na qualidade, na democratização e aumento da eficiência” afirma Marcio Boruchowski, idealizador do Hackademia. “E é por isso que desenvolvemos um escopo de 360 graus no simpósio, para que nosso público veja como é fácil aprender mais e melhor, transformando a vida dos pais e de seus filhos.”
Durante o simpósio, cada palestra será exibida uma única vez. “Para quem buscar acessar os conteúdos em outros momentos – com maior flexibilidade, durante o ano todo –, estamos criando um pacote pago com a possibilidade de assistir todas as palestras a qualquer tempo, horário e local, além de alguns bônus que serão disponibilizados e que estão sendo definidos, como cursos, certificado e acesso especial aos produtos dos palestrantes”, completa o idealizador.
Entre os especialistas reunidos pelo Hackademia estão especialistas, acadêmicos, professores, escolas e startups do Brasil e do exterior, que estão desenvolvendo novas metodologias e ferramentas para transformar a maneira como aprendemos e nossa visão sobre educação. “Em termos de linguística, ‘hackear’ significa melhorar algum sistema por vias tecnológicas. Com esse entendimento, diversas empresas estão ’hackeando‘ a educação, facilitando o aprendizado e apresentando novas formas de estudar e aprender”, afirma Boruchowski.
Um dos convidados do simpósio é o cofundador da Geekie Claudio Sassaki, que preparou uma palestra voltada para pais, falando sobre como funciona a aprendizagem adaptativa e da importância das famílias como fator de pressão para a melhoria do ensino no País. Além de Sassaki, participarão do Hackademia nomes como Joan Rooney, responsável pedagógica da Tutor.com, maior empresa de tutoria dos Estados Unidos; Stephen Downes, tido como pai dos MOOCs; Fredric Litto, presidente da ABED (Associação Brasileira de Ensino a Distância) e Stavros Xanthopoylos, diretor- Executivo da FGV Online.




Baixe o ebook gratuitamente: Por que os educadores precisam ir além do data show




Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Bitnami